SCMS no Vaticano

No passado dia 3 de Setembro, as Misericórdias portuguesas e suas congéneres de todo o mundo, tiveram o privilégio de participar numa celebração presidida pelo Santo Padre na Praça de São Pedro, no Vaticano, no âmbito do dia do Jubileu dos Voluntários e Operadores da Misericórdia.
A Santa Casa da Misericórdia de Sintra foi representada pelo seu Provedor, João Lacerda Tavares e pelo presidente da Assembleia da Irmandade, Salvador Corrêa de Sá, neste grande encontro onde estiveram mais de 400 irmãos de misericórdias portuguesas e que representou o ponto alto do Ano Jubilar.
Francisco esteve próximo das suas Misericórdias e exortou os presentes a ser agentes de misericórdia e lembrou o testemunho de Madre Teresa de Calcutá, na véspera da sua canonização. - “Vós sois os artesãos da misericórdia e a mão de Cristo que alcança todos" - dirigiu aos cerca de 24 mil operadores de misericórdia reunidos no Vaticano. 
A tarde de 3 de setembro foi dedicada à partilha de experiências entre as Misericórdias de Portugal, Itália, Bielorrússia, Brasil, Japão, Macau e Palestina num workshop sobre “A Misericórdia expressão de caridade no mundo”. O encontro foi presidido pelo presidente da UMP, Manuel de Lemos, e pelo presidente da Confederação das Misericórdias de Itália, Roberto Trucchi, no auditório da Pontifícia Universidade Urbaniana, contando ainda com a intervenção do deputado e vice-presidente da Confederação Internacional das Misericórdias, António Brito. No final, a celebração da eucaristia na Igreja de Santo António dos Portugueses, presidida D. Jorge Ortiga, arcebispo de Braga e presidente da Comissão Episcopal da Pastoral Social.
Com fiéis e peregrinos vindos de várias partes do mundo, a proximidade com o Papa Francisco muito emocionou os representantes da Santa Casa da Misericórdia de Sinta, que agradecem a Deus esta celebração de tão grande significado, neste Ano Santo de Misericórdia.